REVISTA LIVROS & LEITURAS

A REVISTA LIVROS & LEITURAS está nos quatro cantos do mundo...Estamos também nas redes sociais...Atualizações a qualquer instante no Facebook, Instagram e Twitter...

sábado, 4 de maio de 2019

D. Dinis, o rei que fez tudo quanto quis




D. Dinis, o rei que fez tudo quanto quis, da autoria de Vanda Furtado Marques. Aqui, a autora volta a apostar, inteligentemente, em mais um capítulo da nossa história. Tinha como cognome O Lavrador e foi o responsável por mudar o rumo da nossa história. 



É aliás arrepiante a dedicatória que a Vanda faz logo na primeira página desta sua obra. Sabendo nós que foi pela mão do Rei D. Dinis que nasceu o Pinhal de Leiria para proteger as culturas das areias que surgiam das praias a oeste, a autor escreve o seguinte: “Ao pinhal, a quem cuide dele e a quem deu a vida por ele”. Bonito, Vanda. 


No prefácio, redigido pela vereadora Anabela Graça da Câmara Municipal de Leiria, a certa altura, pode ler-se: “Com a sua escrita, a autora Vanda Marques cria uma atmosfera que nos transporta para um tempo especial da História de Portugal…há uma dimensão mágica que desempenha um papel fundamental na criação de universos imaginários tão importantes para o desenvolvimento da criança…” 

Sobre a obra de D. Dinis, ficam as mais importantes: o pinhal de leiria, a universidade, a intervenção no Mosteiro de Alcobaça e muito mais. 

A ilustração não é bonita. É bela! A lustradora chama-se Olga Panteley Caetano.



Sem comentários:

Enviar um comentário