REVISTA LIVROS & LEITURAS

REVISTA LIVROS & LEITURAS, desde 2009 à distância de um clique...www.revistalivroseleituras.com...Atualizações diárias no Facebook, Instagram e Twitter...Quem não lê, não quer saber!...

segunda-feira, 3 de maio de 2021

Cinema Literário: O Sol é para todos

É de facto um grande clássico. "O Sol é para todos" data de 1963. O Filme / livro aborda as injustiças e as questões raciais nos EUA. Como se pode constatar, volvidas várias décadas, o assunto continua, infelizmente, na ordem do dia. Os críticos dizem que este foi um dos maiores clássicos da literatura moderna. O livro recebeu o Prêmio Pulitzer e o filme 3 Óscares no ano da sua estreia. O livro já vendeu cerca de 30 milhões de cópias nos EUA. A película tem a direção de Robert Mulligan e o seu elenco é constituído, nos principais papeis, por Gregory Peck, Mary Badham e Phillip Alford.

Sinopse do filme:

Jean Louise Finch (Mary Badham) recorda que em 1932, quando tinha seis anos, Macomb, no Alabama, já era um lugarejo velho. Nesta época Tom Robinson (Brock Peters), um jovem negro, foi acusado de estuprar Mayella Violet Ewell (Collin Wilcox Paxton), uma jovem branca. O seu pai, Atticus Finch (Gregory Peck), um advogado extremamente íntegro, concordou em defendê-lo e, apesar de boa parte da cidade ser contra a sua posição, ele decidiu ir adiante e fazer de tudo para absolver o réu.

Sinopse do livro:

Um livro emblemático sobre o racismo e a injustiça: A história de um advogado que defende um homem negro acusado de estuprar uma mulher branca nos EUA, em 1930. Passa então a sofrer represálias por parte da comunidade racista.

O livro é narrado pela sensível Scout, filha do advogado. Uma história atemporal sobre tolerância, perda da inocência e conceito de justiça.

A obra foi escrita por Harper Lee e editada pela Olympia.

 

 

 

 

Sem comentários:

Enviar um comentário